Doenças musculares congênitas: avanços na compreensão da genética e potencial p/ futuros tratamentos